terça-feira, julho 27, 2010

MAIACT 2010 (VIDEOS)


Xutos e Pontapés - Para ti, Maria



Mundo Secreto - Fala a Sério



Mundo Secreto - Põe a Mão no Ar





Anaquim - As Vidas dos Outros






Fonte: Youtube Videos

terça-feira, junho 29, 2010

MAIACT 2010 - Todas as Informações



A Câmara Municipal da Maia, através do Pelouro da Juventude, leva a efeito, pelo terceiro ano consecutivo, o MAIACT2010 – Festival da Juventude, a ter lugar de 17 a 25 de Julho, em zonas urbanas de grande centralidade e acessibilidade na cidade da Maia: Parque Central, Auditório Municipal Venepor e Complexo Municipal de Ténis.

O conceito do Festival assenta na criação de espaços diversificados onde se desenvolvem actividades de Animação e Entretenimento de Cariz Urbano Contemporâneo, nas áreas dos Desportos e de outros Movimentos Radicais, na área dos Desportos Electrónicos e na área da Música que gravita nos tops nacionais das preferências de hoje.

Sendo a Juventude o destinatário do Festival, existe a preocupação de atender às diversas correntes de género e estilo que dentro desta faixa etária se desenvolvem, conferindo ao evento a universalidade e a abrangência capazes de mobilizarem em grande número todos os quadrantes juvenis.

Nesta terceira edição do MAIACT foram introduzidas novas actividades com vista a atingir outros interesses, como o Cinema e os Desportos Electrónicos, alargando, ainda mais, a área de abrangência deste Festival que pretende ser um evento de referência e um ponto alto do calendário anual das maiores acções para a juventude da Área Metropolitana no Porto.

Assim, estão programados seis eventos nos nove dias do Festival:


LIVE MUSIC FESTIVAL

O Complexo Municipal de Ténis será o palco das três noites de concertos e estará preparado para acolher milhares de espectadores por noite. O cartaz é integralmente preenchido com algumas das mais sonantes bandas portuguesas da actualidade:

Quinta-feira, 22 de Julho HIP-HOP

BATIDA
MUNDO SECRETO
EXPENSIVE SOUL

Sexta-feira, 23 de Julho NEW NACIONAL

ANAQUIM
VIRGEM SUTA
OQUESTRADA

Sábado, 24 de Julho ROCK

GRUPO VENDECOR DO MAIACT GARAGE SESSIONS
THE ELEANORS
XUTOS E PONTAPÉS


O custo dos ingressos para a primeira e segunda noite será de € 5 (cinco euros) cada, e o da terceira noite será de € 10. Poderá, ainda, ser adquirido o “Pass Maiact”, válido para as três noites de concertos, pelo valor de € 15 (quinze euros).

Bilhetes à venda: Fnac, Worten, C. C. Dolce Vita, El Corte Inglês, Lojas Viagens Abreu, Lojas MegaRede e http://www.ticketline.pt/ ou no dia, no local do espectáculo. RESERVAS: 707 234 234


Ver programa completo: Portal da Juventude

APRESENTAÇÃO DO MAIACT 2010




Estão no domínio público todos os pormenores do MAIACT 2010 – Festival da Juventude que a Câmara Municipal da Maia, através do Pelouro da Juventude, leva a efeito pelo terceiro ano, nos próximos dias 17 a 25 de Julho.
No Cocktail de Apresentação Oficial, realizado na Casa do Alto, no passado sábado, foi revelado o programa detalhado dos seis eventos que preenchem os nove dias do Festival.

Para além das três noites de Concertos, do Maiact Garage Sessions, do Festival de Danças Urbanas e do Espaço Actimax, o Maiact inclui, pela primeira vez, um Ciclo de Cinema de temáticas da juventude e a Mega Lan Party XL PARTY.

Na mesma altura ficou operacional a Plataforma Web do Maiact 2010, constituída pelo site www.maiact.net , pela página no Facebook e pelo site do Pelouro da Juventude.

O Vereador da Juventude, Hernâni Ribeiro, referiu na sua intervenção que todos os investimentos municipais são concretizados após profunda análise e, nesta conjuntura económica em particular, esta análise é ainda mais aprofundada e sustentada.

Referiu ainda que, tendo em conta a actual conjuntura, realizar o Maiact é um acto de coragem da Câmara Municipal, mas acima de tudo esta decisão assenta na dimensão e importância que o evento tem, não só para os jovens da Maia mas também para os jovens de toda a área metropolitana.

O Maiact 2010 assume-se como o melhor Maiact de sempre, não só pelo cartaz de concertos musicais, que dispensa qualquer tipo de apresentações mas, fundamentalmente, por tornar o festival mais abrangente, seguindo uma política de parceria com entidades de inegável curriculum que incorporam no Maiact 2010 a componente dos desportos electrónicos, através da XL Party – o maior evento do género realizado em Portugal, e do Ciclo de Cinema em parceria com o Cineclube da Maia, aliados aos já consolidados, Espaço Actimax by Milaneza, Concurso de Bandas de garagem Maiact Garage Sessions by REN e Festival de Danças Urbanas.

Referiu ainda que o Maiact tem a honra de, este ano, ter como parceiros as empresas Milaneza, a REN, o Santander Totta e a Delta Cafés que acreditam no formato do evento e, com a sua participação, permitem que mais uma vez o Maiact seja uma realidade. Apelou à participação de todos nas mais diversas iniciativas que incorporam o programa do Maiact2010 pois, só assim, é que se garantirá a continuidade do mesmo.

Links:
http://www.cm-maia.pt/
http://juventude.cm-maia.pt/
http://www.maiact.net/2010/

Conclusão do Torneio de Ténis - Inter Freguesias



Terminou no passado domingo dia 20 de Junho o Torneio de Ténis inserido na 10ª Edição dos Jogos Inter Freguesias. Ao longo destes dois meses e com a participação de 132 atletas, disputaram entre si 312 jogos em seis escalões distintos. Os jogos foram disputados segundo o lema competitivo do "Fair Play".
De referir que o número de jogos e atletas participantes já é um "record" neste torneio.

A edição deste ano teve como vencedores:



Senhoras

1º LugarVerónica Parodi

2º LugarSusana Guerra

3º LugarRaquel Carvalho

4º LugarElisa Figueiredo


Seniores

1º LugarRui Emanuel

2º LugarMiguel Machado

3º LugarPaulo Silva

4º LugarJoão Teixeira

+ 35 Anos

1º LugarAugusto Campos

2º LugarMiguel Cruz

3º LugarAntónio Manuel

4º LugarPedro Barros


+ 45 Anos

1º LugarJorge Viana

2º LugarSilva Pereira

3º LugarSerafim Carvalho

4º LugarCarlos Martins


Pares Masculinos

VencedoresGonçalo Silva e Paulo Silva

FinalistasSilva Fernandes e Pedro Barros


Pares Mistos

Vencedores Verónica Parodi e André Parodi

FinalistasElisa Figueiredo e Augusto Campos


Os nossos agradecimentos a todos os participantes assim como aos amigos e familiares que nos honraram com a sua presença e apoio.

Parabéns aos vencedores e até ao próximo ano...

domingo, abril 18, 2010

Torneio de Ténis Inter-Freguesias 2010



  

Horário das Finais

(Click na imagem para aumentar)



Para consultar

"Quadro de Jogos Singulares"

RESULTADOS



(Actualizado em 29 Junho 2010 - 22:00)



"Quadro de Jogos Pares Masculinos e Mistos"

RESULTADOS

Para consultar a data e hora dos respectivos jogos passe o ponteiro do rato por cima das hiperligações existentes, exemplo:  [1]

(Actualizado em 29 Junho 2010 - 22:00)





Photobucket




Veja os álbuns de fotos do torneio:

(Actualizado em 29 Junho 2010)


maozinha

Album 1

Inter Freguesias 2010

Album 2
Inter Freguesias 2010 (2)

Album 3

Meias Finais e Finais

Inter Freguesias 2010 (3)



Photobucket


Jantar - Convívio

Como estava previsto, realizamos no domingo 16 de Maio 
o Jantar- Convívio no Complexo de Ténis da Maia.
Foi uma enorme satisfação contar com a vossa amável presença.
A todos queremos expressar o nosso profundo agradecimento pela vossa participação, 
assim como a forma de como nos brindaram com a vossa amizade e simpatia.

Veja o álbum de fotos do jantar:
 
maozinha





Photobucket





segunda-feira, abril 12, 2010

Torneio de Ténis Inter-Freguesias 2010




O Torneio de Ténis inserido na 10ª edição dos Jogos Inter-Freguesias, tem o seu início marcado para o dia 18 de Abril de 2010 no Complexo Municipal de Ténis da Maia.
Já se encontra disponível o Quadro de Jogos Singulares na categoria de seniores, + 45 anos, + 35 anos e senhoras:

Para Consultar:


Link alternativo:

Consulte a data e hora dos respectivos jogos 
na secretaria do Complexo Municipal de Ténis




Gratos pela vossa participação


domingo, abril 04, 2010

XVII Taça Internacional Maia Jovem







Peter Ashley e Sara Sorribes Tormo
são os grandes vencedores da 17ª Taça Internacional Maia Jovem!


 


Peter Ashley foi o grande vencedor da XVII Taça Internacional Maia Jovem. O britânico, cotado à partida como 3º cabeça-de-série, foi o mais forte ao longo de toda a semana, batendo na final o espanhol Alberto Barroso Campos em dois sets.
O primeiro set foi bastante equilibrado, com a incerteza a ser transportada até ao último jogo. No tie-break, Ashley foi mais eficaz, alcançando um parcial de 7-6 (5).
Moralizado com o triunfo no set inicial, o britânico esteve demolidor no segundo, perante um adversário que não conseguiu contrariar o poderio do vencedor. Com um esclarecedor 6-0, Ashley garantiu a vitória em singulares masculinos - a juntar à que já tinha obtido na véspera em pares masculinos com o seu compatriota Shakeel Manji - , assumindo-se assim como um nome a ter em conta no futuro do ténis internacional.
Basta lembrar que os courts da Maia são férteis no lançamento de grandes talentos, especialmente britânicos, ou não tivesse Andy Murray sido um dos nomes a passar por esta Taça realizada em terras do Lidador.


Sara Sorribes Tormo triunfa no feminino

Depois de no sábado ter causado sensação ao afastar em apenas dois sets (6-2, 6-3) a principal cabeça-de-série do sector feminino - a romena Ioana Ducu - Sara Sorribes Tormo confirmou todo o seu potencial na grande final, ao bater Andreea Gradinaru Fometescu por 6-2 e 7-5.
Se no primeiro parcial a espanhola conseguiu uma entrada avassaladora, no segundo Fometescu não quis vender barata a derrota, depois de dias de competição muito intensos no Complexo de Ténis da Maia. Mesmo assim, Sorribes Tormo mostrou a fúria do ténis do país vizinho e impôs-se também no segundo set, com um parcial de 7-5.
Nos pares femininos, a vitória sorriu à dupla Ioana Ducu (ROM)/Jelena Ostapenko (LAT), que na final bateram precisamente Sara Sorribes Tormo e a companheira Maria Martinez Martinez, por 7-5 e 6-3.


Blogue Oficial
da Taça Internacional Maia Jovem
entraraqui.gif picture by xicuembo




terça-feira, março 30, 2010

XVII Taça Internacional Maia Jovem



De 3 a 11 de Abril, no Complexo Municipal de Ténis da Maia.

ENTRADA LIVRE



A Maia – e o seu Complexo Municipal de Ténis – são palco, pelo décimo sétimo ano, da Taça Internacional Maia Jovem, uma competição reservada a jovens até aos 14 anos de idade.
Mais uma vez, a Câmara Municipal da Maia, através do seu Departamento de Desporto, prima pela realização desta prova que se afirma no conjunto de torneios pontuáveis para o Circuito Juvenil da Associação Europeia de Ténis (Tennis Europe), criando grandes oportunidades para os jovens portugueses medirem forças com praticantes oriundos de outros países.

Este ano, a iniciativa decorrerá entre os dias 03 e 11 de Abril.


300 Jogadores inscritos;

25 Países inscritos;


Participação de países que nunca antes participaram nesta prova, como é o caso dos Estados Unidos da América e países oriundos da antiga UniãoSoviética, como o Quirquistão e o Tajiquistão;

É de realçar a presença do jogador Nº 1 da Tennis Europe, Gianluigi Quinzi de Itália, que está na Taça Internacional Maia Jovem pelo 3º ano consecutivo demonstrando o seu gosto por esta prova realizada em terras do Lidador.
Quanto ao quadro feminino, a cabeça de série nº 1 é a jogadora da Roménia, Ioana Ducu, nº 10 da Tennis Europe;
A representação Portuguesa é formada por 13 rapazes e 18 raparigas dos quais se realça Manuel Almeida e Daniela Silva;

Cerca de 3.000 refeições a servir durante a prova;
Mais de 1.500 litros de água para todo o torneio e 1.000 litros de refrigerantes;
Torneio de qualificação, dando oportunidade a todos os jogadores portugueses inscritos de viverem a emoção de participar numa competição como o Maia Jovem.
Mais de 2.000 bolas para cerca de 350 encontros a disputar em 8 dias.

Este é um torneio que envolve uma grande equipa de trabalho que se empenha arduamente, nas mais variadas áreas exigidas, para que este acontecimento desportivo internacional se afirme e consolide cada vez mais, com o objectivo final de promover o desporto e a terra que o acolhe e lhe dá condições para o sucesso e prestígio merecidos, que é a nossa Maia!


Alguns dados relevantes:

108 – Número total de torneios do Circuito Europeu
de 14 anos (Sub-14) da Associação Europeia de Ténis;

13 – Número de Torneios de Categoria 1:

Teen Tennis- Grã Bretanha

Les Petits As- França

Maia Jovem- Portugal

Livorno- Itália

Praga- Rep.Checa

Piestany- Eslováquia

Paris- França

Leeuwarden- Holanda

Colónia- Alemanha

Hasselt- Bélgica

Munique- Alemanha

Moscovo- Rússia

St. Genevieve des Bois- França

 
Links:

terça-feira, março 09, 2010

Torneio de Ténis Inter-Freguesias 2010







TORNEIO INTER-FREGUESIAS


ORGANIZAÇÃO – Câmara Municipal da Maia
JUIZ-ÁRBRITO – Rui Miguel – contacto: ruisantos.tenis@hotmail.com
PRÉMIOS – Prémios para os quatro finalistas de cada categoria

REGULAMENTO

- O torneio será disputado nos courts do Complexo Municipal de Ténis da Maia;
- Decorrerá entre os dias 18 de Abril e 20 de Junho;
- A taxa de inscrição é de 10 € Singulares e Pares;
- O torneio será disputado de acordo com o regulamento da FPT;
- A nomeação dos cabeças de série será feita de acordo com o último torneio;
- Os encontros serão disputados no sistema de 1 set até aos 9 com super tie-break até aos 10 pontos com a diferença de 2. A partir dos quartos de final os encontros serão disputados à melhor de 2 sets com tie-break e o terceiro set jogado com super tie-break;
 - Em caso de falta de comparência será penalizado com a saída do torneio;
- Os casos omissos no presente regulamento serão decididos pelo Juiz-Árbrito.
 

segunda-feira, março 08, 2010

Último dia - domingo 7 de Março




Pedro Sousa amplia vantagem de Portugal para 4-0

Pedro Sousa venceu o primeiro encontro de singulares do programa do último dia da eliminatória com a Dinamarca do Grupo II da Zona Europa/África da Taça Davis by BNP Paribas, no Complexo Municipal da Maia.
O português impôs-se ao dinamarquês Frederik Nielsen, pelos parciais de 6-7(3), 6-1 e 6-1, elevando para 4-0 a vantagem de Portugal, já qualificado para a segunda eliminatória com o Chipre, de 9 a 11 de Julho. A Dinamarca vai disputar o “play-off” de permanência no Grupo II e despromoção ao Grupo III da Taça Davis, em 2011.

Na conclusão da eliminatória na Maia, Leonardo Tavares defronta o dinamarquês Martin Pedersen.

Fonte: FPT



Leonardo Tavares cede e Dinamarca reduz para 4-1

Leonardo Tavares cedeu no último encontro da eliminatória da Maia do Grupo II da zona euro-africana da Taça Davis by BNP Paribas e a Dinamarca reduziu para 4-1.
No encontro com Martin Pedersen, Leonardo Tavares permitiu que o dinamarquês fechasse a primeira partida com o parcial de 7-5.
No segundo "set", o tenista português também não conseguiu contrariar Nielsen e baqueou por 6-4, permitindo que a Dinamarca fechasse a primeira ronda com uma vitória.

Portugal garantiu a presença na segunda ronda no sábado, depois do encontro de pares. A equipa de Pedro Cordeiro vai defrontar o Chipre, que venceu o Egipto, por 3-2, em Nicósia.

A selecção nacional vai jogar com a congénere cipriota de 9 a 11 de Julho, em princípio no Estádio Nacional, no Central.

A última vez que Portugal e Chipre se defrontaram foi no ano passado, na capital cipriota, na primeira ronda do Grupo II da Zona Europa/África da Taça Davis. A equipa de Marcos Bagdhatis, finalista do Open da Austrália em 2006, venceu os portugueses por 3-2.

Fonte: FPT

domingo, março 07, 2010

2ª Dia - sabado 6 de Março


Portugal garante presença na segunda eliminatória
 
 
A selecção de Portugal venceu o encontro de pares com a Dinamarca e garantiu a qualificação para a segunda eliminatória do Grupo II da zona euro-africana da Taça Davis by BNP Paribas, a decorrer no Complexo Municipal de Ténis da Maia até domingo.

No encontro de pares, Leonardo Tavares e Frederico Gil superiorizaram-se aos dinamarqueses Frederik Nielsen e Martin Pedersen, pelos parciais de 6-4, 6-3 e 6-1, ampliando para 3-0 a vantagem na primeira eliminatória.

Portugal vai disputar a segunda ronda de 9 a 11 de Julho, em território nacional, enquanto a Dinamarca vai jogar um encontro que decidirá a permanência no Grupo II ou a despromoção ao Grupo III da Taça Davis, em 2010.

Os adversários das selecções portuguesa e dinamarquesa vão sair do confronto entre Chipre e Egipto. Os cipriotas, que venceram Portugal por 3-2 no ano passado, na Foz, estão em vantagem, por 2-1.

Fonte: FPT


Cordeiro elogiou atitude da dupla Gil/Tavares

O selecionador de Portugal, Pedro Cordeiro, ficou satisfeito com a qualificação de Portugal para a segunda ronda do Grupo II da zona euro-africana da Taça Davis by BNP Paribas e com a actuação de Leonardo Tavares e Frederico Gil no encontro de pares frente a Frederik Nielsen e Martin Pedersen.
O embate terminou com o triunfo dos portugueses, pelos parciais de 6-4, 6-3 e 6-1, e Pedro Cordeiro elogiou Leonardo Tavares e Frederico Gil, que, disse, tiveram “uma boa atitude”.
“Jogaram ponto a ponto, muitíssimo bem, e não facilitaram. Alertei os jogadores para os adversário, mas, da forma como eles jogaram, a Dinamarca não tinha hipóteses de ganhar”, afirmou, considerando que “o momento do encontro foi quando Portugal sofreu o ‘break’ no terceiro ‘set’, mas conseguiu quebrar o serviço no jogo a seguir, evitando a quarta partida”.
Por seu lado, Leonardo Tavares considerou “muito equilibrado o primeiro ‘set’”, em que a dupla arriscou muito e falhou “algumas bolas”.
”Tivemos bons jogos de resposta, conseguimos estar sólidos o encontro todo”, acrescentou o tenista portuense, que, juntamente com Rui Machado, Frederico Gil e Pedro Sousa, mostrou preferência pelo Central do Jamor na próxima eliminatória da Taça Davis.
Pedro Cordeiro também referiu o Estádio Nacional, no Jamor, mas revelou preferência pela Foz, onde Portugal cedeu no ano passado por 3-2 na recepção à selecção do Chipre de Marcos Bagdathis.
Kenneth Carlsen, seleccionador da Dinamarca, reconheceu que a equipa dinamarquesa não teve “o melhor dia” neste sábado e realçou que “os portugueses jogaram muito bem”.
“Os ‘rankings’ dos jogadores portugueses não desmentem e viu-se em campo que eles estão nos 200 primeiros. Portugal foi uma equipa difícil”, disse, garantindo que vai manter nos dois singulares Frederik Nielsen e Martin Pedersen, os únicos a actuarem até agora pela equipa nórdica, tendo perdido nos dois singulares de sexta-feira e nos pares deste sábado.Isto apesar de Frederik Nielsen ter referido na conferência de imprensa que tem “dores no braço direito”.
Por seu lado, Cordeiro revelou que vai colocar no domingo Pedro Sousa e Leonardo Tavares, para lhes proporcionar “uma nova experiência”. Inicialmente, Rui Machado e Frederico Gil, utilizados nos singulares de sexta-feira, primeiro dia da eliminatória na Maia, tinham sido escalados.

Portugal, que está a vencer por 3-0 na ronda na Maia, vai jogar a segunda ronda de 9 a 11 de Julho, em território nacional, enquanto a Dinamarca vai jogar o “play-off” que decidirá a permanência no Grupo II ou a despromoção ao Grupo III da Taça Davis, em 2010.

Os adversários das selecções portuguesa e dinamarquesa vão sair do confronto entre Chipre e Egipto. Os cipriotas, que venceram Portugal por 3-2 no ano passado, na Foz, estão em vantagem, por 2-1.

Fonte: FPT

Gil amplia para 2-0 vantagem de Portugal sobre Dinamarca



Frederico Gil venceu Martin Pedersen e ampliou para 2-0 a vantagem na eliminatória do Grupo II da Zona Europa/África da Taça Davis by BNP Paribas, a decorrer no Complexo Municipal da Maia.
O número um português, 104.º na hierarquia mundial, necessitou de quatro partidas para superar o dinamarquês, 807.º, pelos parciais de 6-2, 7-6(7), 3-6 e 6-3.
O segundo encontro de singulares da eliminatória foi disputado com muita intensidade por Frederico Gil e Martin Pedersen, que, com um serviço forte e um ténis agressivo de fundo do "court", colocou dificuldades ao português.
O segundo "set", decidido no "tie-break", foi o mais renhido das quatro partidas, obrigando Frederico Gil a aplicar-se mais para aumentar a vantagem para 2-0.
O dinamarquês Martin Pedersen apareceu com outra desenvoltura na terceira partida e surpreendeu Frederico Gil, que, nos primeiros jogos, permitiu o controlo do jogo ao opositor. O tenista nórdico fechou o "set" com 6-3 e reduziu para 2-1.
A recação de Gil na quarta partida foi notória, com o português mais esclarecido do que no "set" anterior.
A eliminatória da Maia entre Portugal e Dinamarca prossegue neste sábado com o encontro de pares, agendado para as 15.30 horas, podendo a selecção nacional garantir a presença na segunda ronda, em Julho.

Leonardo Tavares e Frederico Gil defrontam Frederik Nielsen e Martin Pedersen.

Fonte: FPT

1ª Dia - sexta-feira 5 de Março


Rui Machado vence e coloca Portugal em vantagem (1-0)





Rui Machado venceu no primeiro encontro com a Dinamarca e colocou a selecção nacional em vantagem (1-0) na eliminatória a decorrer no Complexo da Maia do Grupo II da zona euro-africana da Taça Davis by BNP Paribas.
Na primeira partida, Rui Machado imprimiu um ritmo forte e chegou a dispor de uma vantagem de 4-1, mas o dinamarquês subiu de rendimento a partir do sexto jogo, em que serviu para reduzir para 4-2.
No jogo seguinte, Frederik Nielsen concretizou o primeiro “break”, enquanto no oitavo Rui Machado desperdiçou uma oportunidade de quebrar o serviço ao tenista nórdico, que igualou a contenda (4-4).
O tenista português acabou por permitir o “break” no nono jogo e Nielsen colocou-se em vantagem por 5-4. No seu serviço, o dinamarquês fechou o primeiro “set” com 6-4, concluindo uma série de cinco jogos consecutivos com vitórias.
Na segunda partida, Rui Machado começou mal, consentindo o “break” no primeiro jogo. No entanto, o português, com um jogo elaborado, recuperou e quebrou o serviço a Nielsen no quarto jogo, igualando o encontro em 2-2.
Machado não conseguiu superiorizar-se no seu jogo de serviço, com o dinamarquês a fazer 3-2, mas o português somou mais um “break” no oitavo jogo, o que permitiu o 4-4.
Depois do 5-4 no seu jogo de serviço, Machado averbou mais um “break” e completou o segundo “set” com 6-4.
A terceira partida não teve história, com Rui Machado a lograr o 6-0, com o dinamarquês sem qualquer argumentos para contrariar o domínio do algarvio.
No quarto “set”, Rui Machado conseguiu o “break” no quarto jogo e adiantou-se para 3-1, ampliando para 4-1 no seu jogo de serviço.
Até final, ainda conseguiu quebrar o serviço a Nielsen no sexto jogo, para fechar no seguinte com o parcial de 6-1.

Fonte: FPT


sexta-feira, março 05, 2010

Crianças jogaram com Rui Machado e Pedro Sousa

Taça Davis 2010

Cerca de trinta crianças, com idades dos 11 aos 14 anos, da Escola Básica 2+3 da Maia, tiveram a oportunidade de jogar, na manhã desta quinta-feira, com dois atletas da selecção nacional, Rui Machado e Pedro Sousa, no Complexo de Ténis da Maia.
No âmbito do projecto "Play + Stay", esta é uma actividade paralela à Taça Davis by BNP Paribas, que tem como principal objectivo implementar uma nova metodologia no treino do ténis, sobretudo nas camadas mais jovens, para um primeiro contacto com a modalidade.
O director do departamento de formação da FPT e principal responsável por este programa, Vítor Cabral, destaca que “em eventos como a Taça Davis e a Fed Cup, que assumem um maior mediatismo, há que promover o Ténis e incentivar os mais novos para a prática da modalidade”.
O responsável reitera ainda “que esta iniciativa tem tido um grande progresso porque há boas parcerias com a ITF, que tem reconhecido o trabalho feito, tendo mesmo destacado, no seu site oficial, as acções realizadas durante a Fed Cup, no Jamor”.
A aplicação deste conceito nos clubes de ténis é crescente e este projecto terá resultados a longo prazo. Garantida já está a diversão que foi proporcionada às crianças que estiveram presentes no Complexo de Ténis da Maia.
Patrícia Carneiro e Helena Cardoso, respectivamente de 11 e 14 anos, mostraram o seu contentamento, dizendo que “foi uma experiência muito boa”.
Satisfeitos estavam também Octávio e e Zé Pedro, ambos de 11 anos, que consideraram “uma glória jogar com os atletas da selecção nacional”.
Curioso foi Márcio Braga, que, apesar dos seus precoces 13 anos, alertou para “a necessidade do público comparecer durante os três dias de torneio para apoiar a selecção nacional”.
Esta foi, de facto, uma iniciativa muito bem conseguida, como fez notar a professora Ana Gião: “Permite novas experiências desportivas, novas vivências e novas perspectivas que não se encontram habitualmente nos estabelecimentos escolares”.



Fonte da Notícia: FPT (Federação Portuguesa de ténis)

domingo, fevereiro 28, 2010

Taça Davis volta a disputar-se em Portugal




A Selecção Nacional vai receber a Dinamarca na primeira eliminatória do Grupo II da Zona Europa/África da Taça Davis by BNP Paribas, de 5 a 7 de Março, no Complexo Municipal de Ténis da Maia.
Frederico Gil, Rui Machado, Leonardo Tavares e Pedro Sousa são os convocados do seleccionador nacional, Pedro Cordeiro, para enfrentar a equipa nórdica. “Vencer e passar à eliminatória seguinte” é o objectivo da equipa portuguesa.
Pedro Cordeiro também decidiu chamar João Sousa como suplente para disputar o encontro que decide o apuramento para o “play-off” de acesso ao Grupo I da zona euro-africana da Taça Davis, de 9 a 11 de Junho.

O sorteio da ordem de jogos realiza-se na quinta-feira, 4 de Março, pelas 13.30 horas, no Salão Nobre da Câmara Municipal da Maia.

O encontro com a Dinamarca foi determinado no sorteio realizado em 24 de Setembro de 2009, na Suíça. Este será o segundo encontro entre as duas selecções, sendo que, na única partida realizada até agora entre os dois países, a vitória pertenceu à selecção nórdica.

Porém, este registo não retira confiança ao seleccionador nacional. Pedro Cordeiro acredita nas hipóteses de Portugal vencer a Dinamarca e assume que é possível passar à eliminatória seguinte.
"Esta é uma selecção portuguesa forte. Inclui os nossos melhores jogadores da actualidade”, afirmou o seleccionador nacional, confiante na prestação positiva dos portugueses.

Frederico Gil é a principal figura do seleccionado luso. O tenista sintrense ocupa presentemente a 107.ª posição do “ranking”. Gil regista o melhor posicionamento de sempre de um português na hierarquia mundial, o 66.º posto, a 25 de Maio de 2009. O último torneio que conquistou foi o ATP Challenger de Nápoles, vencendo em singulares e nos pares, em finais de Setembro.
Rui Machado é o número dois luso (124.º ATP). Natural de Faro, treina sob as ordens de João Cunha e Silva. Este ano chegou à segunda ronda da fase de qualificação do Open da Austrália e atingiu os quartos-de-final em Marrocos, no ATP Challenger de Meknes.
Leonardo Tavares (284.º ATP) nasceu em Espinho e, no ano passado, alcançou a final do ATP Challenger de Manerbio, na Itália, onde cedeu perante o argentino Federico del Bonis. Conquistou o título de pares em Cancún, no México, ao lado de André Begeman.
Pedro Sousa é atleta do CIF. Com 21 anos, é o mais jovem dos quatro convocados e tem vindo a subir na hierarquia mundial. Na época passada, o lisboeta venceu o ITF Futures Denia, em Espanha.
João Sousa é o tenista suplente, 438.º ATP, que jogará caso haja algum impedimento dos quatro efectivos de Pedro Cordeiro.



Fonte: O JOGO


Os "Quatro Magníficos"

                       Frederico Gil, Rui Machado                         

Leonardo Tavares, Pedro Sousa

Mais detalhes:

Davis Cup Official Website
Federação Portuguesa de Ténis
Frederico Gil no Facebook

Taça Davis - Recordando Julho 2004 na Maia...

Emoções da Taça Davis regressam à Maia
Depois do Mónaco é a vez da Sérvia e Montenegro medir forças com a selecção nacional no Complexo Municipal de Ténis da Maia (16, 17 e 18 de Julho), em encontro a contar para a segunda ronda do Grupo II da Zona Euro/Africana da Taça Davis, a mais importante competição tenística ao nível mundial.
Para a concretização deste evento, contribuiu e muito o entendimento existente entre a Câmara Municipal da Maia e a Federação Portuguesa de Ténis, entidades que repartem entre si a responsabilidade organizativa de mais uma grande jornada naquela que é muito justamente considerada a "catedral" do ténis português.
Agora sob a liderança de João Maio, com Nuno Marques como treinador e integrando ainda Leonardo Tavares, todos eles membros efectivos do Centro Nacional de Treino da Federação Portuguesa de Ténis que trabalha na Maia, bem se pode dizer que a equipa nacional "joga ainda mais em casa" esperando-se que seja capaz de reeditar algumas das páginas mais brilhantes da história da modalidade, como o foram as vitórias diante da África do Sul e da Ucrânia.
Curiosamente, as duas equipas já se defrontaram na Maia, em 1997, então com o triunfo a sorrir às cores nacionais por 3-2, com a equipa então comandada por José Vilela a ser formada por João Cunha e Silva, Bernardo Mota e Emanuel Couto.
Da formação de então apenas Bernardo Mota parece estar em condições de voltar a pisar os courts maiatos, mas a renovação entretanto encetada abriu caminho à afirmação de jovens jogadores como é o caso de Leonardo Tavares (campeão nacional em título), Rui Machado (o melhor português no ranking ATP), Frederico Gil ou Heldér Lopes.
Também do lado da formação Sérvia houve lugar a muitas alterações, sendo que Nenad Zimonjic é o único sobrevivente da equipa de 1997, acumulando agora as funções de jogador com as de capitão de equipa.
Desde o primeiro encontro entre as duas selecções (já no longínquo ano de 1984) Portugal conseguiu dois triunfos e apenas consentiu uma derrota se bem que essa por concludentes 5-0 em Belgrado, logo no primeiro confronto.
Esta aparente vantagem das cores lusitanas pode não ser tão importante quanto isso porquanto a somar à tradicional valia da escola de Leste, a Sérvia e Montenegro tem ainda a seu favor o melhor posicionamento dos seus jogadores no ranking internacional, com Zimonjic em lugar de destaque.
Aos 28 anos de idade, o capitão ocupa um interessante 333.º lugar na hierarquia mundial mas é o 24.º jogador na classificação de pares. Natural de Belgrado e dextro, mede 1,93 metros e pesa 88 quilos. Em 37 presenças na Taça Davis ganhou por 26 vezes sendo que os jogadores portugueses são responsáveis por 5 das 11 derrotas que averbou (nunca ganhou a um português para a Davis).
Dos restantes jogadores que poderão integrar a equipa Sérvia, o de maior palmarés é Janko Tipsarevic, actual n.º 200 do ranking ATP (432 em pares). Igualmente natural de Belgrado, onde nasceu a 22 de Junho de 1984 tem já o impressionante registo de 15 vitórias e apenas quatro derrotas. Mede 1,80 metros e pesa 79 quilos, sendo temível a sua pancada de direita.
Dejan Petrovic e Novak Djokovic são os jogadores que reúnem mais hipóteses de vir a Portugal. Com um palmarés muito menos recheado que o dos seus compatriotas (o segundo estreou-se na Taça Davis apenas este ano diante da Letónia), ocupam, respectivamente, as posições 600 e 573 da tabela ATP. Com apenas 17 anos, Djokovic é o "benjamin" da equipa enquanto que Petrovic conta já 26 anos.
Outros jogadores que poderão eventualmente integrar a equipa da Sérvia são Dusan Vemic (28 anos – 228 ATP), Boris Pashanski ( 22 anos – 180 ATP) e Ilija Bozoljac (18 anos – 890 ATP).
Por todas estas razões é de esperar que a Maia responda ao apelo da selecção nacional e seja capaz de lotar completamente, durante os três dias, o Complexo Municipal de Ténis, dispensando ao jogadores portugueses o apoio e carinho de que eles tanto precisam para ultrapassar este difícil adversário.

HISTÓRIA

A Taça Davis, teve a sua 1ª edição no ano de 1900, e surgiu a partir de um desafio de 3 alunos da Universidade de Harvard, que tiveram a ideia de desafiar os ingleses, que na época, eram os campeões do mundo no ténis, para uma partida no Longwood Cricket de Boston. O jogo seria marcado para o ano seguinte. A equipa dos Estados Unidos era formada por Dwight Davis (que daria nome ao torneio), Malcolm Whitman e Holcome Ward e a equipa britânica era formada por Herbert Barret, Ernest Black e Arthur Gore. No final a equipa dos Estados tornou-se campeã.

Portugal competiu pela primeira vez na Taça Davis em 1925.O seu primeiro adversário foi a selacção de Itália, que venceu por 4-1.
O momento de maior sucesso de Portugal aconteceu em 1994 após derrotar a Grã-Bretanha por 4-1 no Grupo I da zona Europa/África. A equipa portuguesa era então liderada por João Cunha e Silva, Nuno Marques e Emanuel Couto.

Mais detalhes AQUI

domingo, fevereiro 21, 2010

Frederico Gil é a esperança para Taça Davis





Frederico Gil, Rui Machado, Leonardo Tavares e Pedro Sousa são os eleitos do seleccionador nacional, Pedro Cordeiro, para defrontar a Dinamarca, no Complexo Desportivo da Maia, na primeira eliminatória do Grupo II da zona euro-africana da Taça Davis, de 5 a 7 de Março.
João Sousa (438.º do ranking ATP) também foi chamado como suplente para o jogo que decide o apuramento para o play-off de acesso ao Grupo I da zona euro-africana da Taça Davis, de 9 a 11 de Junho.
Frederico Gil , que presentemente ocupa a 88.ª posição do ranking, é a principal figura da selecção e nas suas prestações estão centradas muito das expectativas de Portugal. Rui Machado é o número dois de Portugal, ocupando o 124.º ATP, segue-se Leonardo Tavares (284.º). Pedro Sousa, com 21 anos, é o mais jovem dos quatro convocados.
Pedro Cordeiro diz que o objectivo de Portugal é passar à fase seguinte. E está confiante. "Temos uma selecção forte. Inclui os nossos melhores jogadores da actualidade", disse o seleccionador, que considera que os nórdicas "estão ao alcance" de Portugal.


Fonte: DN Desporto

domingo, janeiro 03, 2010

Ténis - Taça Davis na Maia


Portugal-Dinamarca da Taça Davis confirmado na Maia





Portugal recebe a Dinamarca no Complexo de Ténis da Maia

O Complexo Desportivo da Maia será o palco para a recepção de Portugal à Dinamarca, entre 5 e 7 de Março de 2010, correspondente à primeira ronda do Grupo II da Zona Europa/ África da Taça Davis.
Frederico Gil e Rui Machado devem fazer parte dos escolhidos do seleccionador nacional, Pedro Cordeiro, para enfrentar a Dinamarca, que tem Frederik Nielsen (268.º ATP) como cabeça-de-cartaz.

O sorteio ditou que fosse Portugal a escolher o local do confronto da Taça Davis e a comitiva lusa optou pela cidade da Maia.

Esta será a segunda vez que as duas selecções se enfrentam. Em 1981, Portugal deslocou-se a Aarhus, onde acabou por ceder por 5-0. Curioso é o facto de Pedro Cordeiro ter integrado a equipa portuguesa durante essa eliminatória.

Os outros jogadores convocados para o embate com a equipa nórdica foram José Manuel Cordeiro e Miguel Soares, com João Lagos a sentar-se no banco português, como "capitão" de equipa.

Logo após o sorteio efectuado em Outubro, a equipa nórdica, agora capitaneada pelo ex-Top 50, Kenneth Carlsen, não escondeu uma natural apreensão. "Será uma eliminatória muito difícil e Portugal é claramente favorito nos singulares. Já defrontámos selecções com um grande jogador e outro menos bom, mas desta vez vamos encontrar dois jogadores estáveis, como o Frederico Gil e o Rui Machado", referiu Carlsen, responsável por uma equipa sem qualquer representante no Top 250 do ranking mundial.

Se Portugal conseguir bater a Dinamarca, a selecção nacional vai encontrar-se com a equipa vencedora do encontro entre o Egipto e o Chipre.

Fontes: